in

Veja tudo que precisa saber sobre o conceito de Edtech

O avanço tecnológico vem trazendo resultados distintos para os mais diversos tipos de empreendimento, passando também por áreas diversas da sociedade, como medicina, políticas de segurança, transporte e também o campo educacional através de uma edtech.

Uma nova metodologia de mercado que busca trazer avanços para a área de educação, utilizando das mais diversas ferramentas disponíveis no mercado. Tudo a permitir estratégias que possam ser usadas para estabelecer a relação entre alunos e professores.

Garantindo com que ambos os grupos possam ter acesso a melhores benefícios, através da utilização dessas novas possibilidades tecnológicas que estão voltadas para o cenário instrutivo, fornecendo novas maneiras de se acessar diferentes métodos de ensino.

Campo pedagógico esse que pode ter utilidade também para a realização de diagnósticos diversos, inclusive aqueles a serem necessários para o mercado, como um estudo de impacto de vizinhança que precisa ser feito antes da realização de alguma construção.

Visando obter a garantia de que esse tipo de obra não causará nenhum impacto na vizinhança ao redor, o que envolve tanto danos estruturais, ambientais, assim como um destaque sonoro que pode prejudicar a qualidade de vida das pessoas ali ao redor.

E as ferramentas tecnológicas possuem uma grande função na realização de tais estudos, facilitando a busca por resultados, além de garantir uma melhor eficácia em cima de qualquer tipo de levantamento a ser feito em cima de uma região ou de um público.

Para garantir que tudo isso seja alcançado, é importante contar primeiro com um novo método educacional, sendo necessário treinar os novos profissionais, para que uma mão de obra moderna consiga trabalhar com essas ferramentas, obtendo uma melhor performance.

Uma atualização constante que deve ser mantida pelos mais diversos tipos de empreendimento, tal como uma agência gráfica para impressão de apostilas, que para obter um melhor índice de produção é necessário conhecer o uso dos novos instrumentos.

Algo que também pode ser sentido na área de educação, existindo toda uma especialização desenvolvida para o setor de ensino, permitindo à sociedade ter acesso a melhores práticas educativas, garantindo assim uma performance otimizada para os mais variados sentidos.

Mas para que tais resultados possam ser certificados junto a esses métodos modernos de educação, é necessário compreender a fundo como funciona o tal conceito de edtechs.

Do que se trata uma edtech?

Edtech é uma denominação que é dada a empresas do ramo da educação voltadas a otimizar os seus serviços com o uso de novas tecnologias. Algo que pode ser percebido no próprio nome desse tipo de organização.

Com o “ed” sendo um prefixo para educação e o “tech” se referindo à tecnologia em inglês. E é justamente essa a definição simples que pode ser dada ao trabalho de uma edtech, isso quer dizer, um negócio educacional que tem seus resultados otimizados pela tecnologia.

Modelo esse que pode trabalhar ao lado de um número diverso de companhias especializadas no mercado, como uma empresa de suporte técnico em informática, cujo trabalho é essencial para que uma escola adaptada à tecnologia consiga funcionar.

Isso porque a modernização das práticas educativas exige também uma certa adaptação por parte dos grupos de ensino, já que as tradicionais salas de aula, formadas por um quadro negro e um conjunto de mesas e carteiras, não são mais suficientes.

Sendo necessário contar com o acesso à internet, a presença de computadores, tablets ou até mesmo aparelhos de celular que tenham esse tipo de conexão, facilitando com que os alunos consigam interagir melhor com os conteúdos transmitidos durante suas aulas.

Cenário esse que faz com que esses espaços de educação precisem estar atentos a uma série de decisões a serem tomadas para transformar um campo de ensino em algo adaptado para as novas possibilidades, podendo começar até mesmo pelo ato de comprar projetor.

E as possibilidades quando se fala de uma edtech são diversas, com tais companhias podendo se especializar no ensino infantil, juvenil e universitário. Fora todas as especializações que podem ser trabalhadas ao lado desse avanço tecnológico.

É por causa dessas tamanhas possibilidades que as edtechs vem se tornando cada vez mais comuns, destacando-se entre as opções de startups que surgem no mercado. Companhias novas que surgem com o propósito de lidar com novas tecnologias.

Quando se fala sobre a presença cada vez maior das edtechs na sociedade é por causa dos diversos benefícios que esse negócio educacional pode alcançar, dando uma atenção especial às diferentes ferramentas que podem ser usadas para tal atualização.

Leia também: Educação Maker: o que é e como aplicar?

Benefícios garantidos a uma edtech

O uso de novas tecnologias pode garantir uma amplitude de vantagens para uma empresa, incluindo até mesmo a forma em que tal companhia lida com a sua organização de arquivos substituindo as tradicionais pastas por um sistema de armazenamento digital.

Esse mesmo tipo de avanço também pode ser garantido para a área educacional, permitindo com que escolas que adotem esse tipo de metodologia consigam garantir o acesso a benefícios diversificados, entre eles:

  • Melhor acompanhamento pedagógico;
  • Ensino personalizado;
  • Acesso facilitado a recursos de ensino;
  • Estímulo à colaboração;
  • Educação flexível;
  • Formação otimizada de professores.

Vantagens essas que acabam por destacar também a procura crescente pelo trabalho realizado pelas edtechs, por se tratarem de companhias que podem obter melhores resultados no processo de instrução, indo até mesmo além das salas de aula.

Isso porque esse avanço tecnológico na área de educação permite também com que uma palestra de conscientização segurança do trabalho possa ser melhor administrada por uma companhia aos seus funcionários, usando da tecnologia para otimizar tais resultados.

E para compreender a fundo o trabalho de uma edtech e sobre como os benefícios citados podem ser conquistados, é importante conhecer quais são as ferramentas e estratégias que podem ser de grande valor para esse tipo de empreendimento.

Quais são as aplicações de destaque em uma edtech?

Uma edtech funciona a partir do uso de novas ferramentas tecnológicas com o intuito de otimizar a área educacional, e diversas são as inovações que vão sendo apresentadas ao mercado, sendo preciso conhecer e saber como trabalhar com elas.

Em relação ao enfoque na área de educação, as seguintes aplicações são válidas de serem destacadas:

Realidade virtual

O conceito de VR (Virtual Reality) está relacionado a imersão dos usuários a um universo digital que simula a realidade, contando uma série de diferentes aplicações que podem ser benéficas para ter uma interação melhor com diferentes conteúdos a serem ministrados.

Sendo possível, por exemplo, durante uma aula sobre a atmosfera, ter acesso a uma simulação realista sobre esse universo, facilitando aos alunos obter um maior conhecimento sobre qualquer tipo de área.

Mesma tecnologia que pode ter uma aplicação também a diferentes áreas profissionais, como nos serviços de consultoria técnica ambiental, ao observar melhor um cenário ambiental a ser simulado.

Realidade Aumentada

Da mesma forma que é impossível adentrar uma plataforma digital para obter um melhor aprendizado, existe também a possibilidade de trazer esse conceito virtual para nossa realidade, tal como ocorre com o conceito de realidade aumentada.

Prática que uma edtech pode trabalhar também junto aos museus, onde por meio de QR Codes é possível acessar informações específicas sobre as peças expostas nesses espaços educativos.

Inteligência artificial

Outra aplicação tecnológica que cresce no mercado e na indústria e que também pode ter valor na área educacional são as inteligências artificiais. Programas que podem aprender com todo tipo de dado que lhe são alimentados.

Facilitando para uma escola compreender quais são as dificuldades dos seus alunos, além de outras informações que podem permitir a criação de uma nova estratégia educacional, usando esses sistemas inteligentes como auxílio para tomar melhores decisões.

Gamificação

O processo de gamificação trabalha com a inclusão de atividades lúdicas acerca de algum tipo de treinamento, método de aprendizagem ou até mesmo em um processo seletivo a ser feito desenvolvido por uma empresa.

Gamificação que pode ter uma valor especial na área de educação, auxiliando os alunos a absorverem conteúdos diversos através de aplicativos de jogos desenvolvidos justamente para a transmissão de conceitos trabalhados em aulas de matemática e em áreas gerais.

Leia também: As possibilidades da gamificação na educação básica

Conteúdos digitais

Para melhorar essa absorção de certos conteúdos, é importante considerar o uso de novos formatos, com as edtechs dando um destaque especial para os conteúdos digitais, como as aulas de vídeo a serem administradas como reforço para a aula tradicional.

Obras digitais e interativas que também podem servir como instrumento de trabalho para negócios fora da área de educação, como na administração de condomínio comercial, com a divulgação de tais serviços podendo ser feito por meio de vídeos e outros conteúdos.

O crescimento das edtechs acompanha as diversas oportunidades que certas ferramentas tecnológicas podem trazer para o campo educacional, sendo importante, então, conhecer a fundo esse conceito para estar atento à renovação que vem ocorrendo na área de ensino.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0
saude-mental-em-dia

Dicas para manter a saúde mental em dia

Entenda o que é a Dismorfia do Zoom