<img height="1" width="1" style="display:none;" alt="" src="https://px.ads.linkedin.com/collect/?pid=3063137&amp;fmt=gif">
Ensino Superior

O que é ENADE? Entenda a importância e saiba se preparar!

Você sabe o que é ENADE? Veja como funciona o exame que avalia a qualidade dos cursos superiores brasileiros com base na nota dos graduandos.


Você sabia que os cursos universitários passam por uma avaliação de qualidade, com o objetivo de aprimorar o ensino superior no Brasil? Esse é a lógica do ENADE, Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes, aplicado pelo Ministério da Educação (MEC). Confira agora o que é ENADE e outras informações importantes para ir bem na prova!

O que é ENADE?

Criado em 2004, o ENADE analisa a forma com que as universidades capacitam os estudantes para enfrentar os desafios do mercado de trabalho. Dessa maneira, serve como um indicador de quais Instituições de Ensino estão de acordo com as diretrizes educacionais e quais precisam reestruturar os currículos. 

Essa avaliação acontece todos os anos, com uma particularidade: a cada edição, é analisado um grupo de graduações, de um total de três grupos. Os chamados “ciclos” são definidos com base na área de conhecimento que o curso pertence. 

 

Para que serve o ENADE?

O ENADE serve para avaliar como os estudantes aprenderam os conteúdos durante a graduação – bacharelados, licenciaturas e superiores de tecnologia – além das habilidades e competências desenvolvidas. 

Quanto maior for o desempenho na prova, de um (mínimo) a cinco (máximo), mais preparada será considerada a Instituição de Ensino, sendo três o conceito médio da maioria das universidades.

Assim, Instituições de todo país podem se basear nas notas obtidas no ENADE para implementarem melhorias nas grades disciplinares.

O desempenho no ENADE também influencia na quantidade de recursos repassados pelo MEC às faculdades.

As melhores avaliadas têm mais chances de receber apoio para infraestrutura, projetos acadêmicos e iniciativas que promovem maior facilidade de acesso ao ensino superior. Entre elas, estão o Fundo de Financiamento Estudantil (FIES), e o Programa Universidade para Todos (PROUNI),

Qual a importância do ENADE?

A partir do ENADE, Instituições de Ensino têm a possibilidade de fazer uma autoavaliação sobre os serviços oferecidos, bem como medir o nível de capacitação dos professores para melhorar o que for necessário.

Os conceitos obtidos pelas universidades nas provas também ajudam estudantes na escolha da Instituição, uma vez que apontam aquelas mais preparadas. 

Como o ENADE funciona?

Agora que você já sabe o que é ENADE, vamos explicar como o exame funciona. A prova é composta por 40 questões, grande parte delas de múltipla escolha, e uma redação. 

Há 30 perguntas específicas sobre o curso de graduação avaliado e 10 de formação geral. Já o tipo de redação solicitado costuma variar entre as edições do exame: dissertação, reflexão crítica e relato de experiência já fizeram parte de provas anteriores. 

Fique atento: o tempo para responder as questões e redigir a redação é de 4 horas.

Veja agora outros pontos importantes sobre o funcionamento ENADE:

  • Inscrição: realizada pelo coordenador do curso no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP); estudantes são comunicados sobre a necessidade de cadastro no sistema do instituto. 
  • Aplicação das provas: ocorre em um único dia, geralmente no mês de novembro. 
  • Resultados: divulgados no site do INEP alguns meses após a realização do exame.

Como são escolhidos os alunos para fazer o ENADE?

O ENADE é obrigatório para os estudantes do último ano das graduações avaliadas na edição. Já para os do primeiro ano, a participação é opcional. Isso permite que o ensino da faculdade seja avaliado em dois momentos distintos.

O que acontece se eu não for bem no ENADE?

Não existe reprovação no ENADE, mesmo se você não for bem na prova. Contudo, o curso pode receber uma nota baixa e influenciar a qualidade do seu diploma perante o mercado de trabalho. Egressos de Instituições de Ensino com pontuações maiores no exame tendem a ser mais valorizados pelos empregadores.

Posso me formar se eu não for bem no ENADE?

Como já citamos, não existe reprovação no ENADE. Porém, deixar de fazer o exame impede a obtenção do diploma até que a situação seja regularizada no ano seguinte. 

Há exceções para casos de comprovação de doença no dia da prova, estudos no exterior ou viagem internacional. Nessas situações, o estudante pode colar grau normalmente.

Quais as vantagens do ENADE para o aluno?

Para os estudantes que realizam o ENADE, essa é uma forma de testar os conhecimentos aprendidos durante a faculdade.

A nota fica registrada no histórico escolar do estudante e, quando positiva, pode ser um diferencial em processos seletivos para programas de trainee, por exemplo. 

No momento de escolher uma Instituição de Ensino, é fundamental considerar a qualidade da formação oferecida. Nesse sentido, é possível verificar as notas das faculdades de interesse no e-Mec, auxiliando na tomada de decisão de forma mais precisa. 

Como se preparar para o ENADE

Agora que você já sabe o impacto do ENADE na sua vida acadêmica e profissional, veja dicas para atingir bons resultados na prova.

  • Refaça provas de edições anteriores

Ao refazer provas de edições anteriores, você tem uma noção do que costuma ser cobrado e também testa seus conhecimentos. As provas e os gabaritos estão disponíveis no site do INEP

  • Estude regularmente

Os cursos superiores têm longa duração. Então, não adianta rever o conteúdo de última hora. Aposte em um cronograma de estudos para organizar melhor o seu tempo e atingir uma boa pontuação tanto nas provas rotineiras da faculdade quanto no ENADE. 

  • Atualize-se sobre sua área

Participe de palestras, workshops, leia artigos e fique por dentro das notícias que rodeiam o seu campo de estudo. Tenha em mente que o ENADE vai além de conteúdos tradicionais ensinados na faculdade. 

  • Cuide da sua saúde física e mental

Seu desempenho será prejudicado se você não estiver com a saúde em dia. Pratique atividades físicas regularmente, durma pelo menos 8 horas por noite e mantenha uma alimentação saudável.

Além disso, é importante não ultrapassar os limites na hora de estudar. O Método Pomodoro pode ser uma ferramenta valiosa nesse sentido: consiste em períodos de estudo de 25 minutos, seguidos por pausas de 5 minutos.

Incorporar técnicas para gerenciamento de ansiedade e estresse na sua rotina também facilitará o alcance dos seus objetivos educacionais. 

Precisa de crédito educacional para entrar na faculdade? Saiba como conseguir!

Conclusão

O ENADE é um importante indicador do ensino superior brasileiro e traz benefícios tanto para estudantes como para Instituições de Ensino. Esse instrumento não apenas avalia o desempenho dos alunos, mas também impulsiona o aprimoramento do cenário universitário, de modo a contribuir para o avanço do país como um todo.

Similar posts