in

AmeiAmei

Crédito educativo: você sabe o que é?

Aqui no blog já falamos sobre as muitas vantagens de contratar o crédito educacional da Fundacred. No entanto, você sabe o que é um crédito educativo? Hoje vamos contar um pouco de como esse benefício para estudantes começou a ser utilizado para promover o acesso à educação.

O crédito educativo ajuda estudantes e instituições de ensino há muito tempo. Enquanto um realiza o sonho de se qualificar pela educação, o outro retém seus alunos e evita prejuízos trazidos pela evasão escolar e inadimplência.

Como começou o crédito educativo?

Um pouco de história: o crédito educativo no Brasil surgiu em 1976, mas foi na Colômbia há mais de um século, que Gabriel Betancourt Mejía deu início a essa solução para estudantes. 

Primeiramente, ele saiu batendo de porta em porta até encontrar um empresário que apostou nele e emprestou dinheiro para que Gabriel estudasse nos EUA. A gente já fez um vídeo contando como surgiu o crédito educativo, confere.

Depois de estudar, ele voltou ao país e pagou o empréstimo e, então, implantou o primeiro modelo de crédito universitário colombiano. Esse modelo inspira a criação da Apice, em 1969, projeto para que toda a América Latina tivesse o crédito educativo.

E então voltamos ao começo deste texto. Em 1976, o médico Rolf Zelmanowick, ao lado do padre Irmão José Otão e o professor Daniel Juckowsky, que haviam trazido a ideia da Colômbia, criam a Fundaplub que, em 2015, se tornou Fundacred, sendo a pioneira de crédito no Brasil.

E o que é crédito educativo?

O crédito educativo é uma solução para que estudantes que não podem pagar o valor integral da mensalidade consigam estudar. Dessa forma, você faz o seu curso, no seu tempo, e paga apenas um percentual do valor enquanto estuda. O restante do pagamento é feito após a conclusão.

Diferente do financiamento educacional, o crédito não empresta dinheiro. A instituição de ensino deixa de receber parte do valor da mensalidade enquanto você está estudando e recebe após a conclusão do curso. Dessa forma, você estuda com mais facilidade e a instituição retém o estudante, evitando evasão.

A porcentagem do crédito varia. Em algumas instituições de ensino você vai pagar menos de 50% da mensalidade durante o curso, há outras em que a parte a ser paga pode ser maior do que metade do valor integral. No Portal da Fundacred você pode fazer uma simulação de acordo com a sua instituição e saber como ficará o pagamento a partir do percentual de crédito.

Mas para quem é destinado o crédito educativo?

Todo estudante que quiser utilizar o crédito educativo pode contratar. O crédito educativo da Fundacred não tem restrição quanto a renda familiar, por exemplo, pois apenas a renda do fiador é analisada.

Além disso, não há exigências como nota da prova do Enem. Dessa forma, o estudante que precisar do crédito para estudar, só precisa fazer uma solicitação no Portal da Fundacred e passar pelas etapas de contratação. Assim fica mais fácil estudar.

Aqui no blog a gente contou com mais detalhes como funciona o crédito educacional da Fundacred, assim você sabe direitinho o que está contratando. E aí, gostou? Agora é só entrar no Portal e fazer uma simulação ou já contratar o crédito.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Crédito estudantil: as melhores opções do mercado

Dicas para parar de procrastinar